sem cabeça…


quando lhe cortaram a cabeça não deixou de falar
estava sentado à mesa do café
sem_cabeça
com algum esforço levou a mão à carteira pagou a cerveja que tinha bebido
e
saiu à rua inexperta de vida

respirava-se a mais perfeita das maldades